9 de dez de 2011

Duas caras.

"...não sabemos verdadeiramente quem está ao nosso lado e somente o tempo pra mostrar, por isso o melhor a fazer é cuidar bastante com quem você se relaciona e o que comentar com essas pessoas."

Quem não já se decepcionou com alguém na vida? Quem não já depositou a confiança em alguém e mais tarde se frustrou? 
Pois é, e o pior de tudo é que acabamos nos deixando levar mais uma vez nas amizades e se esquecendo das experiências mal vividas do passado. Parece que o ser humano não aprende as lições que a vida proporciona.
Sabe qual o problema? A confiança demasiada por pessoas que não merecem em sua grande maioria. Sei que não posso exagerar ou muito menos generalizar, mas como adivinhar que alguém que, hoje, ao seu lado expõe uma genuína confiança, amanhã estará empunhando uma faca em suas costas, não é verdade?
A pergunta é: O que fazer? Como descobrir? Enfim, são questões difíceis de responder uma vez que não sabemos verdadeiramente quem está ao nosso lado e somente o tempo pra mostrar, por isso o melhor a fazer é cuidar bastante com quem você se relaciona e o que comentar com essas pessoas. Não se iluda com aquele sorrisinho maroto e conquistador, pois, isso não quer dizer nada. Seja cauteloso em expor sua intimidade sabendo que, aquele que hoje você mais confia pode amanhã revelar sua vida pra todo mundo.
Um exemplo clássico é do melhor amigo em quem você já chega dizendo: Vou te contar uma coisa mas não conta pra ninguém. 
Você já parou pra pensar que ele também tem um "melhor Amigo' e que vai fazer a mesma coisa? E que esse, também tem um melhor amigo? Enfim, o ideal a fazer é confiar inteiramente naquele que já provou ser digno da mesma. O nosso Verdadeiro Melhor e Único Amigo: Senhor Jesus! Esse sim não tem duas caras.

Nenhum comentário: